BIG Festival 2021 – evento mostra as novidades da Apex-Brasil

O BIG Festival 2021 finalizou mais uma edição mostrando a força dos jogos independentes brasileiros. O evento serviu para demonstrar o Projeto Brazil Games, que oferece uma plataforma online que permite a realização de rodadas de negócios entre players internacionais do setor, sendo 545 empresas de 64 países.

Outro sinal do sucesso do BIG Festival 2021 foi o expressivo número de 754 profissionais brasileiros envolvidos e 5,6 mil solicitações de reuniões, das quais participaram gigantes como Nintendo, Ubisoft, XBox, EPIC Games, Facebook, Google, Unity, entre outras. Em breve serão divulgados os resultados de negócios deste ano, mas, no ano passado, foram 3,8 mil reuniões e mais de US$ 33 milhões em novos negócios gerados com a iniciativa.

PALESTRA APRESENTOU CASES DE SUCESSO DO SETOR

Caso você tenha perdido o painel do Brazil Games no BIG Festival, é possível assisti-lo aqui para conhecer melhor as diversas formas pelas quais a Apex-Brasil e o Ministério das Relações Exteriores podem ajudar a sua empresa de games a conquistar o mundo.

Vale lembrar que a Apex-Brasil (Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos) realiza, em parceria com a Abragames (Associação Brasileira das Desenvolvedoras de Jogos Eletrônicos), o projeto Brazil Games, que busca incrementar as exportações do setor e captar novos investimentos e negócios para as empresas brasileiras.

Em 2020, as exportações das empresas apoiadas pelo projeto somaram US$ 53,874 milhões, o que representou um aumento de 16% em relação ao ano anterior. A meta para 2022 é chegar a US$ 60 milhões em vendas. Desde o início da parceria, em 2013, as exportações brasileiras cresceram 600%.

Os mercados prioritários para atuação – que foram selecionados junto com os empresários participantes e com dados de inteligência – são Alemanha, Canadá, China, Coreia do Sul, Estados Unidos, França, Japão e Reino Unido.

Prime Gaming oferece mais 8 games da SNK gratuitamente

A SNK continua sua parceria com a Prime Gaming a fim de oferecer um serviço de ponta para seus fãs. De acordo com a gigante japonesa, oito games da empresa passam a integrar o catálogo do Prime Gaming, totalmente gratuitos para download. Os usuários podem baixar desde já. Entre os games estão preciosidades como KOF 98 e Metal Slug 3.

Essa é a terceira leva de jogos da SNK disponibilizados no serviço. A primeira leva começou em maio e incluiu sete jogos, enquanto a segunda leva trouxe outros sete títulos em julho. Com esses novos oito games da terceira leva, ao todo, membros do Prime podem baixar 22 de alguns maiores jogos da SNK completamente de graça.

Vale ressaltar que para ter acesso aos games é necessário ser membro do Amazon Prime para fazer o download. Também vale dizer que os jogos estão disponíveis em suas versões ocidentais.

Os novos jogos a integrar o serviço Prime Gaming são:

  • The King of Fighters 2002 Unlimited Match *
  • The King of Fighters ’98 Ultimate Match Final Edition *
  • The King of Fighters ’97 Global Match *
  • The Last Blade 2 *
  • Samurai Shodown V Special *
  • Garou: Mark of the Wolves *
  • Metal Slug 3
  • Shock Troopers

Obs: os títulos com asterisco oferecem multiplayer online entre os membros do Prime e Prime Gaming.

Sobre a Amazon Prime

Além de oferecer acesso ao Twitch Prime e aos jogos gratuitos do Prime Gaming, os assinantes da Amazon possuem acesso ao Amazon Music, ao Prime Video e milhares de livros gratuitos no Kindle Unlimited.

Número de mulheres triplica na indústria de games e cursos se tornam uma boa jogada contra o desemprego

A cada novo estudo cobre o mercado de jogos eletrônicos comprova-se um fato: as mulheres estão cada vez mais atuantes no mercado de tecnologia. Desde a idealização e produção até o monitoramento de público. Do último censo do Ministério da Cultura, divulgado em 2014, para o atual, deste ano, a participação delas na indústria dos games passou de 15% para 20,7%, um crescimento de 38%. Representando apenas um quinto do total. Para virar o jogo, contra o público masculino que ainda é maioria na indústria, elas estão investindo o tempo no aprimoramento profissional com cursos.

Segundo um estudo realizado pela empresa Homo Ludens e apresentado pelo Ministério da Cultura, o número de mulheres na indústria de games brasileira triplicou nos últimos 6 anos. A pesquisa também mostra que há pouca diversidade de gênero e etnia entre os estúdios. Dos 2.731 trabalhadores da indústria, menos de 10% são negros (234), 0,8% são indígenas (24), e 0,4% são pessoas trans (12). Dos 375 estúdios nacionais levantados pelo estúdio, apenas oito tem mulheres negras como sócias.

De olho nesse cenário, a Full Sail University aposta na formação do público feminino voltada para o mercado de games e entretenimento. Para isso, tem como referência no Brasil, desde 2016, a Community Outreach Director, Carol Olival. A especialista em gerar resultados e promover mudanças na vida das pessoas tem realizado, desde o início da pandemia de Covid-19, lives com grandes talentos do setor de games, com o intuito de inspirar novos profissionais e dar um gás naqueles que já atuam no mercado de tecnologia e entretenimento. Para Carol, com ou sem isolamento, a indústria de tecnologia criativa seguirá se reinventando.

Carol Olival

“O setor de games sempre vai criar conteúdos inovadores para entrar em contato com os gamers por diferentes canais, aumentando, cada vez mais, a demanda e, consequentemente, as vagas e oportunidades de negócios”, conclui Carol Olival.

A instituição oferece uma vasta programação de serviços gratuitos como tour ao vivo pelo campus da universidade, que acontece todas às segundas-feiras, às 19 horas, além de lives diárias sobre jogos digitais, plataformas de redes sociais, mercado de publicidade e propaganda e storytelling. Mas é no webinar com a Carol Olival que é possível entender as plataformas digitais, e também aprender como usá-las na criação de um post com a utilização da ferramenta Spark, da Adobe.