Conheça Kubberz, o novo jogo da Herolix Studios

Nosso grande destaque do dia vai para o jogo Kubberz, desenvolvido pela Herolix Studios. Trata-se de um Action RPG situado em um universo onde habitam criaturas extraordinárias com poderes além da compreensão humana. Seu objetivo é treinar e colecionar o máximo de kubberz possível, além de criar suas próprias estratégias e levar seu time a vitória.

A ideia remete ao Pokémon, pois você deve explorar os locais do Floramaris e descubrir os incríveis Kubberz. Ali você deve capturar diferentes Kubberz, que são classificados em doze linhagens que variam entre luz, trevas, lava, gelo etc. Essas criaturas evoluem assim que alcançam determinado nível, que aumenta progressivamente ao passo que você derrota os adversários.

Além de lutar e ganhar níveis, você deve juntar moedas de ouro que são utilizadas para adquirir novos itens para tornar a jornada mais fácil, além de customizar o personagem. O importante é não deixar a peteca cair.

Kubberz está em versão pré-alpha, onde os jogadores podem criar salas e jogar uns contra os outros com uma variedade de 8 kubberz diferentes. O mundo do jogo é bem rico e cada personagem tem sua própria história, além de ser 100% gratuito e sem nenhuma mecânica pay2win. O game está disponível na Steam.

Abaixo você confere o trailer de Kubberz:

 

 

Top 7: Os jogos mais esperados de 2022

O ano de 2022 promete ser ainda mais agradável que 2021 para quem gosta de jogos eletrônicos. Tem games para todos os gostos, jogos de corrida, ação, RPG etc. Além disso, outro destaque é que a onda de jogos exclusivos deve se fortalecer neste ano, graças aos movimentos realizados pela Microsoft nos últimos anos. Confira aqui sete dos jogos mais esperados para 2022:

 

Pokémon Legends: Arceus

O ano já começa movimentado com o lançamento de Pokémon Legends: Arceus para o Switch. O game é ambientado na região de Sinnoh e promete uma leva enorme de monstrinhos para capturar, além de missões em um mundo aberto. A Game Freak, desenvolvedora do jogo, promete  uma mudança sensível no estilo de jogo em comparação com o recente Sword and Shield e Shining Pearl. A mudança mais importante é o sistema de batalha, que está mais dinâmico.

 

Horizon Forbidden West

Gráficos de nova geração, gameplay mais apurada, ambientação envolvente, trilha sonora de alta qualidade e uma trama mais densa prometem elevar ainda mais a qualidade do sucessor de Horizon Zero Dawn. Como se não bastasse, o mapa de jogo deve ser ainda maior, além de contar com mais inimigos e novas mecânicas para enfrentá-los. A expectativa é que Forbidden West seja figurinha fácil nas principais premiações de melhores do ano.

 

Elden Ring

Outro concorrente de peso para o GOTY deve ser Elden Ring, caso todas as promessas sejam cumpridas. Desenvolvido pela FromSoftware e com o auxílio de George R. R. Martin, Elden Ring não deve desapontar os fãs da série Souls graças a um mundo aberto maior permeado de criaturas grotescas e NPCs nenhum pouco confiáveis.

 

Gran Turismo 7

No final de 2021 os sonystas ficaram vendo a franquia Forza correr sozinha e despontando como o maior e mais ambicioso Racing game já feito com Forza Horizon 5. Pois em 2022 a franquia Gran Turismo retorna prometendo ao menos desafiar no campo de simulares de corrida, trazendo uma jogabilidade mais fiel jamais vista, um novo modo campanha e uma coleção de bólidos fotorrealistas.

 

Starfield

Starfield será a primeira nova IP da Bethesda em 25 anos, sendo possivelmente o jogo mais ambicioso do estúdio desde Skyrim. Aqui teremos viagens interestelares, exploração planetária e centenas de missões improváveis. Como em todo RPG da Bethesda, o jogador cria seu avatar e sai explorando o mundo (universo) sem muitas ressalvas. Ah, e vale lembrar que agora o título será um filho da Microsoft.

 

God of War: Ragnarok

Após um adiamento inesperado, God of War: Ragnarok chega em 2022 como o mais esperado jogo já feito pela Santa Mônica. Kratos e Atreus voltam a fim de impedir o Ragnarok e descobrir mais sobre o Deus Loki. Ao contrário do que se esperava, não haverá uma trilogia, sendo este o capítulo final das aventuras nórdicas de Kratos

 

Breath of the wild 2

Outro game que deve fazer bonito em 2022 é a sequência de Breath of the Wild, a grande sensação de 2017. Ainda sem nome definitivo e data certa de lançamento, este aqui promete pegar tudo que o antecessor fez e elevar a um novo patamar. Ainda que poucas informações tenham saído, sabemos ao menos que os jogadores poderão se aventurar pelos céus de Hyrule, o que forçará a Nintendo a implementar novas e elaboradas mecânicas. E se você acha que é bobagem hypear um jogo sem muitos detalhes, lembre-se que não se trata de um jogo qualquer, mas sim de Zelda, a pedra mais preciosa da coroa da Nintendo.

Top 6 – Jogos que se tornaram fenômenos da cultura pop

Alguns jogos ultrapassam as barreiras do que é apenas um jogo eletrônico, tornando-se verdadeiros fenômenos da cultura pop, sendo facilmente reconhecíveis mesmo entre quem não é lá tão chegado em videogames. Hoje vamos elencar seis franquias dos games que se tornaram verdadeiros fenômenos da cultura pop.

 

Halo

O Xbox é provavelmente o último grande lançamento de videogames do mundo, isso em 2001. Na época a Sony e a Nintendo já eram empresas estabelecidas enquanto que a Sega dava seu canto do cisne. Inegavelmente o sucesso do Xbox se deu graças a uma franquia: Halo. A franquia da Bungie vendeu mais de 81 milhões de jogos, contando os spin offs, alçando a franquia a uma das mais bem sucedidas da história e ícone da cultura pop.

Não obstante, o game transpôs o caminho dos games e foi expandido para o universo dos quadrinhos, livros, animes e até uma série live action. O grande segredo é que Halo sempre consegue boas notas da crítica e aclamação do público. E como não mencionar Master Chief, um dos personagens mais reconhecidos do mundo dos games.

Angry Birds

Parece bobagem a primeira vista, mas a verdade é que Angry Birds é de fato um fenômeno da cultura pop. Viciante e fácil de jogar, os pequenos pássaros raivosos transformaram a pequena Rovio em uma das forças mais proeminentes dos jogos móbile, tendo lançado quase 20 jogos relacionados aos Angry Birds. Outra prova do sucesso dos pássaros foram os crossovers com dois outros pesos pesados da indústria de massa: Star Wars e Transformers. Também é importante ressaltar a série de televisão americana que se tornou fenômeno e os dois filmes em animação que obtiveram bilheterias expressivas.

Minecraft

Você pode ter até torcido o nariz para Minecraft, mas em algum momento teve de dar o braço a torcer. O game é simplesmente o mais vendido de todos os tempos, deixando franquias como GTA ou Mario comendo poeira. Com mais de 238 milhões de cópias vendidas e onipresença em quase todas as plataformas atuais, o jogo da Mojang entraria facilmente no radar das gigantes do entretenimento eletrônico.

Em 2014 a Microsoft comprou a produtora por nada menos que US$ 2,5 bilhões. A franquia Minecraft conta com cerca de 140 milhões de jogadores mensalmente e inspirou uma série de quadrinhos, livros, brinquedos Lego, um jogo em modo campanha e até mesmo um evento próprio, o MineCon. Também é bom destacar que centenas de youtubers ganharam fama internacional transmitindo lives em canais dedicados a falar exclusivamente de Minecraft.

 

Tomb Raider

Hoje em dia a franquia Tomb Raider parece esquecida pelo grande público, mas a verdade é que a saga de Lara Croft se tornou um caso de sucesso tão grande que é até difícil mensurar o impacto cultural do game. O game surgiu em uma época que o Playstation não tinha um mascote para chamar de seu, ainda assim, Lara Croft se tornou tão ligada ao Playstation quanto Mario e Sonic era para seus consoles concorrentes, simbolizando a força do console.

Tomb Raider ainda é apontado como o jogo que inseriu as mulheres como protagonistas em um mundo dominado por personagens masculinos. E como não mencionar que a franquia ainda recebeu duas adaptações com orçamento poupudo o bastante para ter como estrela a Angelina Jolie na época em que a atriz estava nos charts de pessoas mais bem pagas do mundo?

 

World of Warcraft

World of Warcraft (ou WoW para os íntimos) é provavelmente o game que levou os MMO a outro patamar, conquistando o coração de milhões de jogadores mundo a fora. A franquia da Blizzard dominou as lan houses no período em que todo mundo matava aula para jogar nesses ambientes. A enxurrada de expansões cuidou para manter a base engajada e não deixar o mundo de Azeroth esquecido.

Não obstante, WoW teve tantas peças publicitárias que é difícil ver alguém que nunca viu os personagens do game. A franquia ainda foi lembrada no memorável episódio 8 da décima temporada de South Park: Make Love, Not Warcraft. Além disso, ainda recebeu uma adptação fraca. Mas bem intencionada de Hollywood e o melhor meme do mundo dos games.

 

Pokémon

Faça as contas: oito gerações de jogos, 1131 episódios de animes, 23 filmes animados, milhões de brinquedos vendidos, ao menos um avião com o rosto do Pikachu. Como senão bastasse, os monstrinhos de bolso ainda podem se gabar de serem o grande motivo de tornar os portáteis da Nintendo um absoluto sucesso. Os lançamento de Pokémon Go e Pokémon Unite mostram que não há indícios de que esse fenômeno vá acabar algum dia. Se para você Pokémon é coisa de criança, lamento dizer que a franquia é muito viva e muito mais potente comercialmente falando do que qualquer novo Call of Duty ou Battlefiel. Pelo mundo viajarei tentando encontrar…