Final Level e Oi lançam nova ação nas redes sociais

Para estreitar ainda mais uma parceria que vem rendendo bons frutos, a Final Level, maior plataforma de entretenimento gamer do país, e a Oi, lançam uma nova ação, que traz alguns vídeos para as redes sociais com influenciadores do hub de Final Level mostrando seu dia a dia e ilustrando o que as duas empresas estão planejando para o mundo dos games. O que mais será que vem por aí?

Esse é mais um passo na estratégia da Oi de apoiar e incentivar ações e projetos voltados para o público gamer, amantes de eSports e toda a turma conectada nesse universo, com o objetivo de estimular ainda mais o desenvolvimento de sua plataforma. “A Oi tem sido peça fundamental em nossa trajetória. Foi uma das parceiras na nossa content house, a Gameland,e também já fizemos lives que reuniram mais de oito milhões de gamers. Agora estamos com mais um projeto em andamento. Estamos ansiosos para contar as novidades”, explica Fernanda Lobão, CEO e cofundadora da Final Level.

Nos vídeos, parte do time de influenciadores da Final Level, Baiano, funBABE, Sheviii2k, Caio Pericinoto e Nobru, mostra um pouco da rotina deles, seja gravando um vídeo, mandando mensagem pra família, ou seja, aproveitando a vida online de todas as formas possíveis. Tudo isso graças à Oi Fibra que oferece velocidade e potência de internet.

Final Level e Riot Games lançam o Desafio das Estrelas

No último mês, a Riot Games lançou o League of Legends: Wild Rift. Desenvolvido do zero, traz o universo de League para a plataforma mobile. Para promover ainda mais o lançamento do novo MOBA, a criadora do game e a Final Level , maior plataforma de entretenimento gamer no Brasil, criaram o Desafio das Estrelas, que acontece entre os dias 23 e 25 de abril e reunirá oito times liderados por influenciadores do segmento gamer. A iniciativa terá uma premiação total de R﹩ 25 mil, divididos entre primeiro e segundo lugares. As equipes doarão a quantia para duas ONGs: Ação da Cidadania e Gerando Falcões.

O intuito do Desafio das Estrelas é ir além da competição: a ideia é trazer entretenimento e apresentar um novo título para outros públicos. A mecânica do Wild Rift consiste na mesma do primeiro sucesso da Riot, o League, garantindo uma experiência autêntica deste universo à comunidade. Um dos pilares do torneio será também a causa social, já que além das doações das equipes vencedoras, o público poderá participar e contribuir com outros valores destinados a essas ONGs durante o torneio ao vivo.

“Estamos muito felizes com essa parceria com a Final Level, que permitirá levar à comunidade, por meio de seus influenciadores, toda a emoção do Wild Rift”, diz Priscila Queiroz, head de Publishing da Riot Games no Brasil. “A resposta dos jogadores tem sido muito positiva e estamos animados em mostrar para o público mobile como pode ser muito divertido jogar Wild Rift com os amigos”, completa.

O formato do torneio será por eliminação dupla, ou seja, todas as partidas serão disputadas em melhor de três jogos e a final em melhor de cinco jogos. A equipe que ao longo da competição sofrer duas derrotas será automaticamente eliminada do torneio. Enquanto isso, o time que chegar à final através da Winner-Bracket ou “Chave dos Vencedores”, como é conhecida a parte da tabela das equipes invictas, receberá vantagem de um jogo na final melhor de cinco, começando assim na vantagem de 1 a 0.

As oito equipes competidoras já estão completas e os capitães serão: funBABE, Robô, Samira Close, Keio, Briny, Wellplayed, FenixYTB e Ybig. Cada um dos influenciadores trará quatro jogadores de peso para enfrentar a competição rumo à vitória do Desafio das Estrelas.

“É uma honra poder realizar este torneio em parceria com a Riot. Sabemos que já é um título popular por mais que tenha sido lançado recentemente. Queremos que cada vez mais pessoas tenham conhecimento de que esse pode ser um jogo muito divertido para jogar em horas vagas com uma experiência única. A intenção é oferecer esse grande evento para que os fãs acompanhem as mais diversas comunidades jogando. Na Final Level estamos sempre buscando criar pontos de encontro da comunidade gamer, e é maravilhoso poder fazer isso com um jogo com tamanho potencial”, afirma Gabriel Duarte, diretor de novos negócios da Final Level.

Toda a competição será transmitida pela Twitch do streamer Rakin, que tem se destacado no cenário de eSports e também será o host do evento.

Dyxel e Trilha da Educação lançam o curso Character Design para Games

A Dyxel Game Publisher, publicadora brasileira de jogos digitais focada em diversidade, por meio de uma parceria exclusiva com a Trilha da Educação, acaba de lançar o curso Character Design para Games. À frente do curso está o publicitário Alvaro Gabriele, que discutirá neste primeiro módulo criatividade, com foco na criação de personagem para games. O curso já está disponível no site da Trilha da Educação.

Ao adquirir o curso, o aluno recebe uma apostila digital e tem acesso a seis videoaulas, divididas em: ideia original, pesquisa e referências, combinabilidade, desejos dos jogadores, sentimentos dos jogadores e brainstorming. Quanto ao objetivo do curso, Alvaro explica que é discutir o conceito por trás do desenho dos personagens. Para ele, há pouco cursos com esse viés, pois a grande maioria se foca na arte em si.

“A ideia não é ensinar a desenhar o personagem, até vamos passar um pouco por isso, mas o foco será no conceito pré-desenho, na etapa anterior à arte. Em games, a interação com os personagens é muito grande, por isso sua construção demanda um cuidado acurado. É um curso que vai ajudar a tirar a ideia da cabeça e ir para o papel e, depois, do papel pro jogo”, explica Gabriele.

Um dos diferenciais do curso é relacionar a narrativa com a mecânica, ou seja, pensar em quais características do personagem é possível combinar com a mecânica e com outras áreas do design e do level design para enriquecer a experiência do jogador. Alvaro enfatiza que é preciso pensar mais nas dinâmicas do que apenas na mecânica.

O público-alvo do curso são gamedevs, membros de estúdios independentes, estudantes e pessoas interessadas em jogos digitais. Especialmente para aqueles que já atuam na área, o curso pode, ainda, abrir novas possibilidades profissionais. Com um conhecimento mais aprofundado sobre criação de personagens, é possível, por exemplo, pensar em propostas de editais para buscar investidores para suas iniciativas.

Trabalhando com a indústria brasileira de games independentes, a Dyxel Game Publisher fez esta parceria com a Trilha da Educação após perceber que muitos estúdios e gamedevs procuram a publicadora visando obter mentoria para seus projetos. “Os cursos tendem a agilizar esse processo, trazendo um conhecimento de ponta na área, sempre respeitando as peculiaridades da nossa indústria”, afirma Érika Caramello, CEO da Dyxel.

O lançamento de outros cursos e consultorias estão programados para os próximos meses. Também em parceria com a Trilha da Educação, os temas dos próximos módulos do curso de Character Design para Games vão envolver questões relacionadas aos arquétipos, jornada narrativa de herói e heroína e aspectos visuais de personagens. Para acompanhar o lançamento dos próximos módulos, acompanhe as novidades no site da Dyxel e da Trilha da Educação.