Rede Brasileira de Estudos Lúdicos fará parte do Festival Games for Change 2020

REBEL

Mais um grande evento que teve de migrar para um formato digital foi o Games for Change 2020, que iniciou no último dia 14 de julho e vai até o dia 16 de julho. Normalmente sediado em Nova York, a grande novidade de 2020 é que o festival será transmitido on-line pelo site oficial. A novidade é que o evento contará com a presença de jogos e produtores brasileiros através da REBEL (Rede Brasileira de Estudos Lúdicos).

A REBEL participará de painéis de debates e dividirá com o Games for Change América Latina um booth para comunicação direta com interessados. A ideia é dar visibilidade para jogos nacionais que contribuem para pesquisa e conhecimento lúdico. Muitos dos jogos que tem apoio do REBEL são títulos que buscam levar criticidade e projetos transformadores para a sociedade.

Em novembro de 2019, a REBEL, vale dizer, conta com uma parceria com a Games for Change América Latina e produziu o SPPW e o FAEL6, na USP. E agora toda essa produção será mostrada ao mundo no G4C2020. O G4C acontece desde 2014 e tem como proposta mudar, impactar o mundo de forma lúdica através de jogos e mídias imersivas, filosofia completamente alinhada com a da Rede Brasileira de Estudos Lúdicos. Você pode conhecer a REBEL aqui.

Autor: Luiz Silva

Luiz Silva, jornalista de games formado pela Universidade Paulista. Já escreveu para as revistas da Tambor Digital (EGW, Gameworld), para o site Player 2 entre outras coisas. "Sou um entusiasta por videogames, apesar de jovem já tive até um Atari, minha série favorita é Silent Hill".

Deixe seu comentário