Banco Santander conquista o público gamer ao entrar no ecossistema do esports

League of Legends é certamente um dos jogos mais populares do mundo, não por acaso o Banco Santander irá patrocinar por três anos as principais competições oficiais de LoL na Europa (LEC), América Latina (LLA) e Brasil (CBLOL). O plano de patrocínio é parte do compromisso do Santander com a inovação e a digitalização.

Esta é uma assinatura histórica com a Riot Games, a desenvolvedora do LOL, onde o quarto maior banco da Europa, e o 16º maior do mundo, se conecta de forma decisiva com um ecossistema em constante crescimento e que, há muito tempo, pôs fim ao mito do jovem solitário, que não faz nada além de jogar através de uma tela, sem sair de seu quarto.

 

Copa do Mundo LOL: 100 milhões de telespectadores e 2,5 milhões em prêmios em dinheiro

Com um público que cresce cerca de 10% a cada ano, uma faixa etária que se expande cada vez mais no nível superior e uma presença feminina muito próxima de atingir a tão desejada paridade, o League of Legends tem algo mágico, capaz de unir diversas gerações que jogam, observam, comentam e seguem fervorosamente aqueles que vivem as incríveis aventuras que acontecem em Demacia, Noxus, Ionia, Águas de Sentina ou Ilha das Sombras.

Nessas terras fictícias, foi realizado o Campeonato Mundial LOL em 2019, com números incríveis: 100 milhões de espectadores únicos, um máximo de 44 milhões assistindo simultaneamente e um prêmio de, pelo menos, 2,5 milhões de dólares. Ainda em pandemia, a edição de 2021 superou todas as previsões com picos de 73 milhões de telespectadores. Gigante, certo?

 

Habilidades tecnológicas para perfis STEM

O Banco Santander está patrocinando as competições por conta dos muitos aspectos positivos que fazem parte do ecossistema esports. O trabalho em equipe e o clima de rivalidade saudável em que a competição se realiza são alguns deles. Mas o patrocínio vai além, apostando na capacidade tecnológica que esta competição representa. Em um ambiente no qual os perfis STEM (Ciência, Tecnologia, Engenharia e Matemática) são alguns dos mais procurados pelas empresas, qualidades como habilidade e imaginação são altamente valorizadas por qualquer empregador.

A instituição financeira está comprometida com essa geração única e autodidata que acredita em ídolos próximos a eles, com os quais interagem diariamente, mas também comprometida com o futuro, com a igualdade, com o consumo responsável e com o meio ambiente. Com milhões de pessoas criativas e empreendedoras, cheias da força necessária para transformar a sociedade e construir um futuro melhor.

 

Aaron “Medic” Chamberlain e Cristinini, Mestres de Cerimônia

O acordo de patrocínio do Banco Santander com os Riot Games foi apresentado em um evento maciço, que teve todos os ingredientes habituais do ecossistema eSports: streamers populares, milhões de pessoas conectadas de todos os cantos do mundo, freestylers com milhares de seguidores e a atmosfera de entretenimento saudável que caracteriza os esports em todo o mundo.

Aaron “Medic” Chamberlain, um dos melhores músicos de LOL do continente europeu, foi o mestre de cerimônias de um evento que também contou com Cristinini, a rainha de Twitch na Espanha, que conta mais de 3 milhões de seguidores, Kacper “Inspired”, o melhor jogador polonês da atualidade, Jukes, jogador e streamer brasileiro, e Alan Q, caster mexicano. Tudo isso acompanhado das três estrelas do estilo freestyle, os espanhóis Chuty e Sara Socas e a argentina Nicki Nicole, uma das artistas mais ouvidas no Spotify. Uma festa em estilo para receber um acordo que mudará uma geração inteira.