Arquivo da tag: ONG

Phoenix BR conta história de superação após sofrer AVC aos 19 anos de idade durante jogo online

Não é incomum jogadores de videogames passar horas em frente a TV desbravando mundos fantásticos, entretanto alguns casos servem de alerta para não deixar a saúde de lado. Um bom exemplo é do jovem Guilherme Nogueira – Phoenix BR – que negligenciou uma dor de cabeça intensa durante uma sessão online. Pensando ser algo sem importância, talvez devido à própria tensão natural do jogo, não quis sair da partida. Mas ao terminar, a dor ficou insuportável e Guilherme pediu ao irmão para levá-lo ao hospital. Chegando lá, recebeu um diagnóstico inesperado: estava tendo um Acidente Vascular Cerebral (AVC), o popular derrame, que impede a circulação de sangue no cérebro e pode causar danos permanentes à função cerebral e até levar à morte.

A forma isquêmica do AVC é a mais comum e ocorre em 85% dos casos. Caracteriza-se pela obstrução a um vaso sanguíneo que fornece sangue ao cérebro, bloqueando a passagem de oxigênio para as células locais, chamadas de neurônios, causando a sua morte. Já na hemorrágica, um vaso enfraquecido rompe e sangra no cérebro, causando inchaço e aumento da pressão local 3. O AVC é uma das principais causas de morte e a principal causa de incapacidade no mundo 4 5. Segundo a World Stroke Organization, 1 em cada 4 pessoas terá um AVC ao longo da vida.

Na época Guilherme tinha 16 anos e como seu caso foi sério, levou três anos em recuperação gradativa. Desde então Phoenix BR têm usado seu canal no Youtube, onde conta com mais de 680 mil inscritos, para alertar sobre a doença. O objetivo é alertar os jogadores sobre os cuidados básicos com a saúde.

“Meu objetivo é chamar atenção das pessoas sobre a importância do rápido atendimento em casos de AVC. Se eu estou aqui para contar essa história foi por causa do rápido reconhecimento dos sintomas e da agilidade da equipe que me recebeu no hospital”, explica.

O gamer aderiu à campanha A Vida Conta, uma iniciativa da ONG Rede Brasil AVC em parceria com a Sociedade Brasileira de Doenças Cerebrovasculares, com apoio da Boehringer Ingelheim. Phoenix BR gravou um vídeo que está disponível em suas redes sociais e nos canais da Rede Brasil AVC, ONG formada por profissionais de diversas áreas que unidos lutam para diminuir o número de casos da doença, melhorar o atendimento pré-hospitalar e hospitalar ao paciente, melhorar a prevenção ao AVC, propiciar a reabilitação precoce e reintegração social.

Menos de 2% das pessoas acometidas pelo AVC estão na faixa etária entre 18 e 29 anos. A neurologista e presidente da Rede Brasil AVC, Dra. Sheila Martins, explica que a cada minuto sem tratamento do AVC, 1,9 milhão de neurônios são perdidos. Para se manter longe do risco, a médica recomenda não fumar, diminuir o sal na dieta, comer mais frutas e vegetais, praticar de atividades físicas regulares e restringir o consumo bebidas alcoólicas, já que cerca de 90% dos AVCs são associados a fatores de risco que podem ser prevenidos Sobre a campanha A Vida Conta

Abaixo você confere o vídeo da campanha com Phoenix BR:

Organização Global Gaming Ititiative lança Sidekick Cycle para iOS

hero1_bg

Uma nova produtora de games acaba de nascer e, aparentemente, cheia de boas intenções! A Global Gaming Initiative é uma produtora americana dedicada a jogos móveis e também à causas sociais. Pelo menos assim está sendo com o lançamento do jogo Sidekick Cycle para iOS, pois este reverterá metade de seus lucros para áreas de pobreza da África.

O game é o primeiro da produtora novata e, de acordo com os produtores, a cada 387 downloads, a empresa comprará uma bicicleta para uma criança em uma comunidade empobrecida (ainda não divulgada). O game em si é de corrida para ciclistas downhill, onde os jogadores correm em cerca de 30 pistas na África e América do Norte para chegar ao pódio. Para vencer as corridas é necessário habilidade e coragem para vencer e fazer manobras, pois as pistas não são moleza.

Para ajudar na corrida, existem criaturas chamadas sidekicks que possuem cada qual sua habilidade especial, permitindo que o jogador bole táticas para vencer. Ou seja, no modo multiplayer as partidas ficam ainda mais concorridas. Além disso, os jogadores podem personalizar avatares e veículos.

O game foi desenvolvido pela It Matters Games da Alemanha e está disponível na App Store pelo preço de US$ 0,99. De acordo com a companhia, uma versão para Android será lançada em breve. O interessante é que a Global Gaming Initiative irá dispor de 50% dos lucros do jogo para a World Bicycle Relief, uma organização que já doou cerca de 120 mil bicicletas para estudantes, vítimas de catástrofes e profissionais de assistência médica na África desde 2005. Ou seja, é uma iniciativa que fará a diferença para milhares de pessoas carentes.

Ao combinar a velocidade e a adrenalina das corridas de downhill com um design inovador, criado especificamente para incentivar microdoações, o Sidekick Cycle ajuda todos os jogadores a causarem um impacto nas vidas dos outros de forma agradável“, disse Elizabeth Sarquis, CEO e fundadora da GGI. “Não somos simplesmente uma produtora de jogos, somos uma empresa que gosta de oferecer, e o dia de hoje marca o início desse sonho. Trata-se de “criar mudanças com o nosso bolso“.

Abaixo você confere o trailer do game:

SOS Mata Atlântica: jogo convida jogador a se tornar ativista e ajudar a preservar a floresta

SOS Mata Atlântica

Defender a natureza é um papel que todos deveríamos adotar, ou pelo menos ter a consciência de não prejudicar o meio ambiente. Esta é a premissa do jogo SOS Mata Atlântica, jogo para dispositivos móveis que ajuda a conscientizar sobre a importância de preservar a floresta.

O game foi idealizado pela ONG que dá nome ao jogo e foi desenvolvido pela produtora brasileira Ovni Studios. O objetivo do jogador é se voluntariar e realizar atividades que visem à preservação em uma das áreas ameaçadas de desmatamento na Mata Atlântica. Deste modo, as atividades a serem executadas é reflorestamento, coleta seletiva de lixo, zelar pela qualidade do ambiente e prezar pelo desenvolvimento sustentável.

O gameplay é simples e bastante intuitivo, pois os responsáveis tinham por objetivo passar a mensagem de preservação. Ao passo em que o jogador vai realizando as tarefas, vai sendo liberada uma variedade de árvores características da Mata Atlântica, além de itens para ornamentar a sede da ONG no jogo.

A ONG lembra ainda que a missão de proteção do ambiente é feita em conjunto, e não individualmente, por isso o título ganha ares de game social, integrando as redes sociais para que a “mensagem verde” alcance mais pessoas. Existe um ranking global e desafios entre os amigos.

SOS Mata Atlântica é em 3D e conta com gráficos bem trabalhados, porém leves para que possa rodar sem problemas independente do gadget que o usuário possuir. Além disso, a produtora Ovni Studios informa que serão liberados mais conteúdos e missões após o lançamento do jogo.

Com este titula a ONG lembra que a mata Atlântica continua sendo desmatada como sempre, mas que o trabalho voluntarioso pode fazer a diferença. O game está disponível gratuitamente através da App Store e do Google Play.

Abaixo você confere o trailer do game SOS Mata Atlântica: