FAZGame – escola quer mostrar que é possível ensinar produção de games de maneira remota

FazGame

Durante a crise do coronavírus a sociedade se viu numa encruzilhada: apostar ou não na educação à distância? Muitos brasileiros se mostram favoráveis a essa modalidade de ensino a fim de atrasar ao mínimo os estudos. Entretanto, há outros tanto que consideram que não há outro método possível a não ser estudar de forma remota.

Uma das instituições de ensino que apostam fortemente no estudo remoto é o Programa FazGame de Capacitação de Professores, que já está no ar e oferece uma aprendizagem que se pretende ser abrangente, prática e objetiva.

De acordo com o FazGame, seu método inclui 30 horas de atividades online assíncronas e síncronas que englobam as práticas necessárias para o estudo de game design para professores. A ideia é que os professores:

  • conhecerão as tecnologias emergentes e terão experiências práticas para aplicar tecnologias na Educação;
  • aprenderão a metodologia pedagógica do FazGame, composta de planos educacionais que guiam os alunos na criação de games narrativos;
  • conhecerão as habilidades desenvolvidas em um Projeto FazGame e como é feita a avaliação do aprendizado dos alunos em leitura, produção textual, criatividade e raciocínio lógico;
  • aprenderão a mentorar alunos e grupos na criação de games;
  • conhecerão técnicas para desenvolver narrativas e trabalhar a ortografia dos alunos;
  • e claro, aprenderão a criar um game narrativo no FazGame!

De acordo com os organizadores, o FazGame implementa Educação 4.0 através da criação de games narrativos e está 100% preparado para ser utilizado de forma online pelos professores e alunos durante o período de pandemia, em períodos de intermitência de aulas e no retorno do isolamento social. Para conhecer mais do FazGame, basta acessar o site da instituição aqui.

Abaixo você confere um trailer explicativo do FazGame:

Autor: Luiz Silva

Luiz Silva, jornalista de games formado pela Universidade Paulista. Já escreveu para as revistas da Tambor Digital (EGW, Gameworld), para o site Player 2 entre outras coisas. "Sou um entusiasta por videogames, apesar de jovem já tive até um Atari, minha série favorita é Silent Hill".

Deixe seu comentário